Música de Momento

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

Sagrada escritura dos violeiros




Sagrada escritura dos violeiros


A defesa é natural
Cada qual para o que nasce
Cada qual com a sua classe
Seus estilos de agradar
Um nasce para trabalhar
Outro nasce para a briga
Outro vive de intriga
E outro de negociar
Outro vive de enganar
O mundo só presta assim
É um bom, outro ruim
E outro tem jeito pra dar
Prá acabar de completar
Quem tem o mel, dá o mel
Quem tem o fel, dá o fel
Quem nada tem, nada dá

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

domingo, 21 de dezembro de 2008

Tá chegando o Natal....

Tá chegandoooooooo o Natal.......
E já quero agradecer desde já a todos os meus amigos...
à todos que fizeram e fazer parte do meu caminho...
E como dizem:
"Amigos são estrelas,
permanecem em nossas vidas
para sempre!!
Este é o brilho da verdadeira amizade".
Um ótimo domingo de muita paz e muito iluminado
para todos nós.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008




Samhain
(Leslie holanda)

Sem sol
Mas, não sem luz
Dançando ao luar
Reconhecemos
Sentimos Deusa
Sem sol
Mas, não sem ser
Celebrando a vida
Vivenciamos
Permitimos ciclos
Possibilidades do viver

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Aniversário de 70 anos da tia

Feliz Aniversário de 70 anos...

Hoje o dia foi muito lindo...
Obrigada Tia pela aura deixada de muita luz e energia...
Hoje é o seu aniversário (mesmo que esteja agora estando em outro plano espiritual),
Hoje seria 70 anos e com certeza teríamos uma Festa e tanto por aqui...
Mas agora sei que a Festa foi aí (junto com outras pessoas queridas)...
Mas quem ganhou, o presente fui eu...
E foi aqui, em sonho...
Sua visita em meus sonhos foi tudo de bom...
Tudo de muita luz e energia...
E ao acordar me senti assim bem leve...
Cheia de energia e felicidade....
Fazia tempo que não me sentia assim...
Eu estava precisando muito disso, dessa força, desse empurrão...
Tomara que eu consiga caminhar como antigamente...
Depois deste reencontro comigo mesmo tentarei mais uma vez...
Serei novamente aquela pessoa alegre e cheia de amor a vida...
Mais uma vez obrigada por tudo...
Que Deus nos abençoe aqui como sempre...
Amém...

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Leslie




Comigo sempre
(Leslie Holanda)

Quando tudo parecer cinza, sem cor.
Quando não encontra graça no que estar a fazer.
Quando tiveres de corpo doente, alma maltrata.
Não esqueça que mora em mim,
que mora em meu coração.
E assim, posso ser tua cor,
teu arco-íris que te levará ao pote de ouro,
a riqueza que irá aguçar teus sentidos, tua libido.
Serei graça, desgraça para qualquer tristeza tua,
serei teu ungüento.
Serei uma solução azulada pra curar tua alma.
Serei teu lado risonho, leve, nada sério da tua vida.
Aliás, serei tua sinceridade, tua liberdade de amar.
Serei o exercício da confiança, da cumplicidade de amar.
Serei tudo e nada, só não serei talvez.
Serei calor ou frio, só não estarei morna,
nem morta diante de você.
Serei tuas palavras confiantes, determinadas.
Serei teu amor resoluto, sem idem, afirmando te amar.
Mediante nosso pertencer ser mas, sem jamais ter,
comigo estará sempre, mesmo quando eu for ausência,
passado mudo, esquecido.
Comigo sempre estará do raiar do dia ao reluzir do luar.

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Vanessa da Mata




Amado
(Vanessa da Mata)

Como pode ser gostar de alguém
E esse tal alguém não ser seu
Fico desejando nós gastando o mar
Pôr-do-sol, postal, mais ninguém

Peço tanto a Deus
Para lhe esquecer
Mas só de pedir me lembro
Minha linda flor
Meu jasmim será
Meus melhores beijos serão seus

Sinto que você é ligado a mim
Sempre que estou indo, volto atrás
Estou entregue a ponto de estar sempre só
Esperando um sim ou nunca mais

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer

Sinto absoluto o dom de existir,
Não há solidão, nem pena
Nessa doação, milagres do amor
Sinto uma extensão divina

É tanta graça lá fora passa
O tempo sem você
Mas pode sim
Ser sim amado e tudo acontecer
Quero dançar com você
Dançar com você
Quero dançar com você
Dançar com você

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Fernando Pessoa

O valor das coisas não está no tempo que elas duram,
mas na intensidade com que acontecem.
Por isso, existem momentos inesquecíveis,
coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis.
(Fernando Pessoa)

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Dia das bruxas



Desejo que todas nós tenhamos
sempre muitos dias de travessuras,
gostosuras e encantamentos...


quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Fábio Júnior




“Eu não desisto assim tão fácil meu amor,
das coisas que eu quero fazer e ainda não fiz.
Na vida tudo tem seu preço, seu valor,
e eu só quero dessa vida é ser feliz”.

(Fábio Jr.)

quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Dia dos Professores

Hoje é dia dos Professores.....

Deixo aqui todo o meu carinho para as pessoas que de alguma forma
sabem das coisas e nos ensinam alguma coisa,
mesmo não sendo elas professores de salas de aula
Mas que no nosso dia a dia nos vem
em forma de amigo e em forma de amigos anjos...

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Dias melhores

Que a gente possa saber lidar com o nosso dia-a-dia
Muita Luz e paz para todos nós...

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

domingo, 12 de outubro de 2008

Nossa Sra. e dia das Crianças

Que permaneça em mim
A criança que eu cultivo...




Nossa Sra. Aparecida


sexta-feira, 10 de outubro de 2008

anjos


Um ótimo fim de semana para todos
Estejamos onde estiver
Estarei sempre pensando
em ti...

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Vanessa da Mata...




"...Tudo que quer me dar
é de mais, é pesado, não a paz
Tudo que quer de mim
Irreais,
expectativas desleais..."

quarta-feira, 8 de outubro de 2008

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Zélia





Meus olhos
(Zélia Duncan)

Às vezes tudo que eu quero
É mergulhar numa paixão eterna
Eu sonho tanto
A todo momento
Quando o sol se põe
E a chuva cai
Vêm as sensações
Tão naturais
É claro nos meus olhos
Se disfarço meus desejos
Repara nos meus olhos
Se disfarço
As vezes tudo que eu quero
É ser herói por uns segundos
Soltos no espaço
São muitos segredos
E se a solidão me tem demais
As vezes me sinto estranha
Mas, repara nos meus olhos
Se disfarço tanto
Eu posso até inventar
Mentiras diversas
Mil idéias sem sentido
Galanteios de bandido
Outros beijos
Outras festas
Repara nos meus olhos
Se disfarço meus desejos
Repara nos meus olhos
Se disfarço tanto...

domingo, 5 de outubro de 2008

Leslie



Fogo D'alma
(Leslie Holanda)

Transporto a lenha
Imagens do pensamento
Incendeio, aqueço querer
Exalto chamas do desejo
Arde o beijo feitos brasas
Atiço, enrosco no teu prazer
Explode faíscas do gozo em você
Vermelho, quente o coração em chama
Chama acessa, viva da paixão
Esquenta amor, calor
Inflama fogo d'alma
E depois...
branda, acalma
O fogo d'alma.

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Musica




Você é tudo
(Lucinha Bastos)
Você é tudo e muito mais
Tudo e muito mais
O que sou capaz é muito pouco eu sei
Você faz tudo muito bem,
Não se compara a ninguém
Então faça de mim
O seu bem-me-quer
Faça de nós tudo o que quiser
Você faz tudo muito bem,
Não se compara a ninguém
Porque anos atrás
Você tocou meu coração
E me amou, mas aprendi;
Tudo na vida
Tem seu princípio e fim
E se ainda assim
Você quiser, eu vou estar onde estiver
A felicidade é uma janela aberta
À espera de alguém
Que esteja a fim.

terça-feira, 30 de setembro de 2008

dia de chuva

Que saibamos ser Felizes com o que temos...

domingo, 28 de setembro de 2008

Ótimo domingo

Um ótimo domingo á todos
Com muita Luz, Paz e Harmonia...

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Djavan



Faltando um Pedaço
(Djavan)

O amor é como um raio,
um passo para uma armadilha...
Quem tentar seguir seu rastro se perderá no caminho
Na pureza de um limão ou na solidão do espinho...
E o coração de quem ama fica faltando um pedaço
Que nem a lua minguando,
que nem o meu nos seus braços...



quinta-feira, 25 de setembro de 2008

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Chegou a Primavera

Que bom que chegou a primavera...

A Primavera vem sempre linda
Com muitas flores coloridas...
Alegrando os jardins da nossa vida
Os pássaros cantam...
Energia pura no ar...
Adoro sentir o perfume...
Trazem-me a alegria de viver...

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Cecilia Meireles




De um lado cantava o sol

(Cecilia Meireles)


De um lado cantava o sol,
do outro, suspirava a lua.
No meio, brilhava a tua
face de ouro, girassol!
Ó montanha da saudade
a que por acaso vim:
outrora, foste um jardim,
e és, agora, eternidade!
De longe,
recordo a cor
da grande manhã perdida.
Morrem nos mares da vida
todos os rios do amor?
Ai! celebro-te em meu peito,
em meu coração de sal,
Ó flor sobrenatural,
grande girassol perfeito!
Acabou-se-me o jardim!
Só me resta, do passado,
este relógio dourado
que ainda esperava por mim . . .

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Mart'nália





Entretanto

(Mart'nália)

Não vá agora, deixa eu melhorar
Não fique triste, tudo vai passar
É só ciúme, doença que contraí
porque te amo demais
Mas também é loucura,
loucura e loucura tem cura,
ciúme também
E paixão é o que me faz bem
Entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o remédio
Que me tira do tédio,
quando me faz amar
Não vá agora
Lembra do nosso abraço,
beijo, sexo, demais
Lembra do nosso ninho, nosso cantinho
Que tanto desejo não posso disperdiçar
Lembra da nossa música
Entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o mistério que me tira do sério
Que me faz amar
Entre, entretanto não vá
Não vá me abandonar
Você é o remédio que me tira do tédio
Quando me faz amar...
Entre... tanto...
Não vá...
Não vá embora...
Não vá amor...

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Eliana Printes




A Primeira Chuva

(Eliana Printes)

Pedirei aos anjos
Que te guiem
Pelo verde azul
Do seu olhar
Direi ao fogo que não
Faça você chorar
Guardarei seu nome
Para sempre
Nas lembranças boas
Que o amor
Plantou no meio do nada
E eu
Deixo a lágrima
Tocar meu rosto
E a primeira chuva
Deixe o tempo
Me levar
Meu amor
A solidão e fogo

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Leslia Holanda




Leslie Holanda

Em poucas palavras aguça meus sentidos
Não são meus ouvidos que te escutam
É a minha alma que invade
Que inebria com teus detalhes
Com teu amor a vida
Com teu aprendiz jeito de ser
De simplesmente viver

sábado, 13 de setembro de 2008

Adalgisa Néri




(Adalgisa Néri )

"Eu te amo
Em todas as transformações da vida,
Em todos os caminhos do medo,
Na angústia da vontade perdida
E na dor que se veste em segredo..."

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Martha Medeiros





Martha Medeiros
"Saudade é não saber.
Não saber o que fazer
com os dias que ficaram mais compridos,
não saber como encontrar tarefas
que lhe cessem o pensamento,
não saber como frear as lágrimas
diante de uma música,
não saber como vencer a dor
de um silêncio que nada preenche".

quinta-feira, 4 de setembro de 2008


Casa no Campo
(Elis Regina)
Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa compor muitos rocks rurais
E tenha somente a certeza
Dos amigos do peito e nada mais
Eu quero uma casa no campo
Onde eu possa ficar no tamanho da paz
E tenha somente a certeza
Dos limites do corpo e nada mais
Eu quero carneiros e cabras pastando solenes
No meu jardim
Eu quero o silêncio das línguas cansadas
Eu quero a esperança de óculos
Meu filho de cuca legal
Eu quero plantar e colher com a mão
A pimenta e o sal
Eu quero uma casa no campo
Do tamanho ideal, pau-a-pique e sapé
Onde eu possa plantar meus amigos
Meus discos e livros
E nada mais

segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Mario Quintana


Poema Transitório

(Mário Quintana)

(...) é preciso partir
é preciso chegar
é preciso partir é preciso chegar...

Ah, como esta vida é urgente!
... no entanto
eu gostava mesmo era de partir...
e - até hoje - quando acaso embarco
para alguma parte
acomodo-me no meu lugar
fecho os olhos e sonho:
viajar, viajar
mas para parte nenhuma...
viajar indefinidamente...
como uma nave espacial

perdida entre as estrelas.

sexta-feira, 29 de agosto de 2008

Voltaire






(Voltaire)

As paixões são como ventanias
que inflam as velas dos navios
fazendo-os navegar,
outras vezes podem fazê-los naufragar,
mas se não fossem as elas,
não haveria viagens,
nem aventuras, nem descobertas

quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Ney Matogrosso





Um pouco de calor

(Ney Matogroso)

Saí à toa nessa madrugada
Sem saber porquê
A noite daqui é tão linda e me faz me perder
Penso num belo horizonte em poder te ver
Sei que eu não tenho mais nada a perder
Meu carro que não quer mais andar
Essa noite que não quer mais terminar
Onde está você meu amor?
Eu preciso de um pouco de calor
Saí à toa nessa madrugada
Sem saber porquê
A noite daqui é tão linda e me faz me perder
Penso num belo horizonte em poder te ver
Sei que eu não tenho mais nada a perder
Se eu não tenho mais nada a perder
No meu peito eu tenho você
É nessa estrada que eu quero estar
Eu quero o dia, a noite e o mar
e cantar

quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Ana Carolina


(Ana Carolina)

"...Eu quero te roubar pra mim
Eu que não sei pedir nada
Meu caminho é meio perdido
Mas que perder seja o melhor destino
Agora não vou mais mudar
Minha procura por si só
Já era o que eu queria achar
Quando você chama meu nome
Eu que também não sei aonde estou
Pra mim que tudo era saudade
Agora seja lá o que for..."

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Estar junto

"Para estar junto,
não é preciso estar perto.
Mas sim,
do lado de dentro".

segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Leslie




Tudo em mim

(Leslie Holanda)


Ontem o cansaço físico amanheceu em mim.
Numa caminhada de transformação,
na biodança reconectei a energia dispersa.
Tive o cuidado de não fazer promessas
que não podem ser cumpridas.
Fiz uma avaliação de mim,
de alguns sim, de alguns não enfim,
a força das mudanças,
do movimento que tem leveza de vento mas,
que não pode apenas passar, ser passatempo.
Encontrei semelhante, encontrei em mim.
Vibrei com a utopia do amor, com a fragilidade de ser.
Aliás no frágil ser redescoberto as infinitas possibilidades.
Aliás a imprescindível entrega a vida, a felicidade.

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

Meninas de ouro em Pequim 2008

Meninas Brasileiras vocês são de Ouro
Maurren Maggi, você foi Mágica...
parabéns pelo Ouro, pela luta e perseverança...
O Time brasileiro de futebol feminino é feito de guerreiras,
e nós brasileiros nos sentimos orgulhosos de vocês,
pois vocês tiveram garra e vontade,
para nós vocês são: MEDALHA DE OURO.

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Cecilia Meireles





O canteiro está molhado
(Cecília Meireles)

O canteiro está molhado.
Trarei flores do canteiro,
Para cobrir o teu sono.
Dorme, dorme,
a chuva desce,
Molha as flores do canteiro.
Noite molhada de chuva,
Sem vento, nem ventania,
Noite de mar e lembranças...

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Caleidoscópio




Tem que valer
(Celeidoscópio)


Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer
pra valer
Você é tudo na minha vida
O grande amor
Eu quero ser sua menina
Você é tudo na minha vida
O grande amor
Estrela minha
Tem que valer valer viver
Tem que viver viver valer
pra valer

terça-feira, 19 de agosto de 2008

Mário Quintana



(Mário Quintana)

Amor não é se envolver com a pessoa perfeita,
aquela dos nossos sonhos.
Não existem príncipes nem princesas.
Encare a outra pessoa de forma sincera e real,
exaltando suas qualidades,
mas sabendo também de seus defeitos.
O amor só é lindo,
quando encontramos alguém que nos transforme
no melhor que podemos ser.

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Zélia - sentidos



Sentidos
(Zélia Duncan)

Não quero seu sorriso
Quero sua boca
No meu rosto
Sorrindo pra mim
Não quero seus olhares
Quero seus cílios
Nos meus olhos
Piscando pra mim
Transfere pro meu corpo
Seus sentidos
Pra eu sentir
A sua dor, os seus gemidos
E entender porque
Quero você !
Não quero seu suor
Quero seus poros
Na minha pele
Explodindo de calor

domingo, 17 de agosto de 2008

Lua cheia

Esta Lua cheia me encanta...



Na noite passada olhei para céu,
esta lua linda, grande, brilhante
Nossa, quanta beleza, quanta força
Quanta energia positiva eu pude pegar
Adoro-te minha linda Lua
Em ti faço meus pedidos
Em ti posso viajar...
Seja em qualquer lugar que eu esteja
Voce está sempre a me guiar.
Pra voce hoje e sempre...

sábado, 16 de agosto de 2008

Sol amigo



Sol amigo
(www.sitedepoesias.com.br/poesias/21336)

Quero outras fronteiras cruzar
Rios,estradas e outros
Mundos atravessar,
Como um navegador solitário.
Que as estrelas, quer conquistar.
Ver ao longe, o pôr-do-sol
E outros amores encontrar,
Não quero ser viuvo da vida,
Sem, em outros mares, navegar.
Eu sou feito de sonhos, e
Quando a noite me abraça,
quero ouvir o canto do vento lá fora,
Que vem pra mim fazer graca.
Quando a noite parti sozinha,
Uma estrela grande surge, na Aurora,
Que por traz da noite já Existia.
É o meu amigo sol,
Que pujante se faz ver,
Beijou o rosto da lua, que Dormia
Já com saudades do anoitecer.





sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Niver da Leslie

Hoje é um dia especial,
é um dia de lembrar que amigos são preciosidades,
são presentes encantados que Papai do Céu nos dá,
para que nossos dias sejam mais bonitos
e com muitas alegrias.
Parabéns pelo seu Aniversário amiga Leslie
Que bom fazer parte do mar da sua vida...
Estou longe e perto de ti, pois como diz nosso amigo
"Longe é um lugar que não existe"

Porção de Instantes II
(Leslie holanda)
Como é bom navegar no mar da vida.
Há momentos que ficamos náufragos,
Outros que reencontramos um novo rio
Novos percursos...
Um mergulho
Um novo encontro
Eis o caminho

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Richard Bach

Richard Bach

Se desejas tanto a liberdade e a felicidade,
não vês que ambas estão dentro de ti?
Pensas que a tens e a terás.
Age como se fossem tuas e serão.


terça-feira, 12 de agosto de 2008